30 de jul. de 2021

"Skate" é a nova música de Bruno Mars e Silk Sonic

O vídeo lindo e retrô mostra a banda tocando em um cenário ensolarado, cercados por patinadoras descontraídas.

A letra de Skate (que não tem nada a ver com skate e sim patins), diz:

"Eu estou tentando rolar, eu estou tentando dar uma volta
Eu estou tentando flutuar, estou tentando voar
Não, não, não seja tímida, apenas pegue minha mão e segure firme

Oh, patine para mim baby
Patine"




Quem são as minas no clip??







O disco de estúdio do projeto "An Evening with Silk Sonic!, deve sair ainda este ano.

Pra mim, já virou hit! ♥




7 de jun. de 2021

Segunda-feira Vintage - Patins On Line

Eu não escrevi errado, você leu "online"!

Lá nos anos 80 a Babuch, empresa brasileira lançou o primeiro patins inline em terras tupiniquins e ele se chamava BABUCH ONLINE





Não sei nada sobre ele, apenas que tinha uma botinha de cano alto em couro, base em ferro e rodas em baquelite e um robusto freio traseiro!

Diferente da bota do quad da mesma marca, a bota desse online não tinha salto.

Um dia desses eu ri de uma pessoa que disse que queria comprar um patins online. Vai vendo...







Toma palhaça! Fica rindo dos outros...olha aí... patins on line existe!

Pelo menos existiu!
Essa relíquia aí era nacional, foi comercializado nos anos 90 no Brasil, era um Babuch de couro e tinha rodas macias e um freio traseiro, comum no IN Line até hoje.

Um tapa na cara da sociedade! rsrsrs

Vira e mexe eles aparecem nos OLX da vida...


Você teve essa preciosidade?? Conta pra mim!





19 de mai. de 2021

{Review} Patins Inline Rye

Demorei, mas cá estou falando sobre esse indivíduo: O patins Inline da Rye.






Num passado bem distante, quando tudo isso aqui ainda era mato, a Rye lançou uma base inline:


Na época (2013 aproximadamente, eu só conhecia o SnowWhite que é um patins para patinação artística, já falei dele várias vezes aqui no blog) e assim como a maioria das pessoas leigas, que chegam neste humilde bloguinho, eu achava que qualquer patins com base inline, freio frontal e bota de salto, era artístico.

Não gentemmmm, não é!


O atual modelinho da Rye, é mais um exemplo de inline que confunde a cabeça da galera. Só porque o patins tem botinha com cara de profissional.

O bonitão da Rye, vendido nas versões Preto, Branco ou Cross, é um patins de lazer, pra brincar no asfalto e pras bonitas que tem mania de freio frontal. (eu!)

Ele vem com bota igual do Rye Amazon (dureza baixa), base flat, freio pequeno e rodas de dureza ok pra pisos ruins (85a).


FICHA TÉCNICA DA CRIANÇA:

(diretamente do site da Rye)

O Patins In line é destinado para atividades de lazer. Ideal para quem gosta de patinar no asfalto.


BOTA R2S
Produzida em couro ecológico de dureza baixa, forrada e estufada, super confortável, indicado para os primeiros movimentos na patinação. Possui um "salto", que coloca o patinador na posição correta e elegante de patinação. Dureza baixa 35.

BASE
Base em alumínio polido com freio regulável. Freio nos dois pés.

ROLAMENTO 608
Rolamento de dupla vedação, com tampas nos dois lados, que protegem contra pó e sujeiras.

RODAS XTREME
Rodas Xtreme de 70mm, com Dureza 85A. Ideal para andar no asfalto.

R$ 828,00

LINK DA RYE


É UM PATINS DE LAZER! Muito bom, muito bonito, mas pra lazer!

Qual é a diferença deste patins pros patins de base artística? TUDO!


Um artístico inline tem base roqueada, bota de dureza alta e freios de maciez e tamanhos específicos para saltos e giros da artística.

Patinação artística exige sustentação de tornozelos, isso é fato. Pra iniciação artística no quad, as botas de dureza baixa são ok, mas não no inline! A sustentação é outra, já que a base de apoio é muito estreita em relação ao quad.

Sou insuportavelmente chata em relação a botas moles, imagina então num inline?  (tenho problemas nos tornozelos, me julguem!)


Considerações finais.


Antes que me atirem pedras, sim eu testei o Inline da Rye com bota Amazon e posteriormente com bota Sonata e com outra dureza de roda. (foto)

Ele é completamente diferente do quad e "estranho" pra quem anda de inline, já que não tem salto. 

Tudo é questão de adaptação. EU não curti.

Testei o upgrade ao lado, não rockeado, senti muito mais segurança nos tornozelos.

Para rockear a base da Rye é necessário colocar uma roda de pelo menos 4mm maior no centro da base.




Quem anda bem de inline (principalmente a galera do slalom) se adapta fácil ao Inline da Rye, mesmo a base sendo mais curta que um inline convencional. Quem anda bem de quad, apanha um pouco, mas se vira fácil nesse "trem".


Ah tia Su...se eu rockear a base da Rye e colocar uma bota bem dura, tenho um inline artístico? Tem!

Vale a pena fazer isso? Na minha opinião, não.





5 de mai. de 2021

Roll Line Linea - a evolução da base inline artística chegou ao Brasil!

Sim senhoras e senhores, finalmente venho aqui falar sobre esse sonho de consumo da galera do inline glamour.
A Roll Line Linea, lançada na Europa em 2019, está disponível no Brasil, pelo representante Fulop.

É a base concorrente direta da famosa Snow White (falei dela aqui), além de ser o "primo rico" no quesito técnico, já que vem com opções de roqueamento, nunca visto antes.


Já falei em alguns posts, sobre a modalidade Inline Artística, e fiz até um vídeo a respeito da mais famosa base desta categoria (Snow White) e qual o caminho árduo, mas não impossível, pra conseguir montar "criança".

Agora, a Roll-Line®, empresa italiana fabricante de patins artísticos e acessórios, apresentou a inovadora base inline, chamada “LINEA” que foi projetada para oferecer o melhor desempenho a todos os praticantes de patinação artística em linha.
Feito de Alumínio sólido, usado na aeronáutica, esta base garante grande resistência a choques, tensão e torção. Apresenta um novo e revolucionário sistema de balanço, capaz de simular os mesmos elementos da patinação no gelo com total precisão.
A nova tecnologia, possui ajuste de posições para a roda traseira e roda central.
Não é uma simples base de inline pra uma bota com salto. É uma base de patins especialmente desenvolvida para atletas de competição e de alto rendimento.




O chamado ROCKERING SYSTEM, uma inovação para regulagem central. Ao ajustar o mecanismo central, é possível obter uma configuração diferente das rodas. O objetivo é replicar o mesmo ângulo usado nas lâminas de gelo. É possível ajustar a roda central numa posição mais para trás ou para a frente, também pode ser movida para cima ou para baixo. São 6 diferentes opções de configuração


REAR WHEEL POSITION
A roda de trás pode ser colocada em duas posições diferentes: Na primeira configuração, a opção mais interna, deixa os patins em posição similar a um patins tradicional, em baixo do osso do tornozelo. Na segunda configuração, a opção mais externa deixa a roda traseira numa posição similar a uma lâmina de gelo, ultrapassando o limite do osso do tornozelo.

  • O Linea aceita botas do 215 ao 300
  • Possui medidas iguais lâminas de gelo: 8 – 8 ½ – 9 – 9 ¼ – 9 ¾ – 10 – 10 ¼ – 10 ¾ – 11 ¼ 
  • Aceita rodas de inline de diâmetros entre 64 mm e 76 mm
  • Possui ajusto duplo de freio
  • É compatível com rolamentos de 8 mm - 608 

Vamos ao que interessa, opção no Brasil.
Patins Fulop, loja que fica em São Paulo, é a empresa representante de vendas da marca Roll Line e possui a Linea em estoque com rodas originais (modelo ZERO) e freio padrão.








O preço médio da base é 255 EUROS + frete + taxas de importação, que se forem via Fedex, podem duplicar este valor.



No Brasil a Linea custa R$ 2460,00. 
As rodas de Linea são vendidas separadamente, a base vem com parafusos e freios convencionais ( o modelo de freio BABY não veio pro Brasil)


Preço de botas Edea/Risport no Brasil R$  1400,00 a 3200,00.
(Algumas das botas mais utilizadas pra este tipo de patins são: Chorus, Overture, Ice Fly, Concerto, Piano, RF1, RF2 e Royal. Podem ser compradas no exterior ou no Brasil, pelo importador Fulop.
Preço médio da bota nacional Fulop Rag Star R$ 480,00. (opção mais em conta)
Preço médio da bota Rye Float Ice R$ 1400,00.
A tabela de preços da loja Fulop, varia bastante, pois todos os itens  são importados e dependem de variação de Dólar/Euro). Consulte valores diretamente com o representante.


Vamos somar tudo?

Exemplo de patins montado top de linha e prontinho pra uso, valor total R$ 6060,00


Numa bota mais simples, um Linea pronto, sai por aproximadamente R$ 3600,00

Nos EUA (achei a mesma configuração por 999 dólares + taxas)



Site oficial do Linea com todas as informações sobre tamanhos equivalentes (base/bota) e informações sobre o sistema de rockering.






ps. Estes patins não são os mesmos fabricados pela Rye. Falarei deles em breve.


14 de abr. de 2021

ISU World Team Trophy 2021 começa amanhã - Live Stream

Começa nesta 5a feira, dia 15/04, o ISU World Team Trophy.




O World Team Trophy 2021 vai de 15 - 18 de Abril em Osaka, no Japão. Seis países com os melhores resultados da temporada, enviam 2 homens, 2 mulheres e 2 duplas para competição  competem por equipes: Russia, EUA, Japão, Canada, Itália e França.

Por ser no Japão, o fuso horário vai complicar nossa vida:
5a, dia 15: Opening, Rhythm Dance, Ladies e Men's Short Programs (início 2h20)
6a, dia 16: Pairs Short Program, Free Dance, Men's Free Skating (início 3h20)
Sábado, dia 17: Pairs e Ladies Free Skating, Premiação (3h15)
Domingo, dia 18: Gala (2h)







Pra assistir ao vivo, basta acessar o canal da ISU 

13 de abr. de 2021

{Review} Novo Quad Traxart Bellaz

Olhando sem muita atenção, a impressão que temos é que  Bellaz é o 1o modelo de Glitter com freio maior, porém tudo nele é diferente.







A bota é mais rígida que as demais botinhas de quad da Traxart, mas nada de acolchoamento extra.

As rodas são 83a, ou seja trepidam em asfalto e não desenvolvem muita velocidade por serem pequenas (58mm). Porém é uma ótima opção pra skate park e pisos mais lisos.



Um quad com um freio grande e muito mais aderente que o freio "cotoco" do Brillant e dos demais modelos da marca. Pra lazer, passeios, tá mais que ótimo!

É praticamente o Klassic com uma demão de tinta.





Especificações:

O Bellaz é feito em bota com cano alto, firme de couro sintético. As rodas são de poliuretano (PU) de 58mm x 32mm com dureza 83A, e os rolamentos são ABEC-5. Vai do 35 ao 43. A base é de alumínio, com regulagem simples de trucks e o freio é regulável. (antes que me perguntem, esse freio não serve no Brillant)

R$ 649,00 disponível em três cores.

Gostei do azul!


www.traxart.com.br


5 de abr. de 2021

Quero patinar, que patins eu compro?


**POST ATUALIZADO EM ABRIL DE 2021**






Este é sem dúvida o assunto mais buscado aqui no blog, então eu me vi na obrigação de fazer uma postagem decente!

Muita gente que não patina mais, ou nunca patinou na vida, me escreve pedindo sugestões de locais confiáveis para compra de patins, principalmente patins tradicionais para lazer, fitness e recreação (retrô, vintage, quad).

Espero que este post ajude você que quer começar a deslizar por aí por diversão, mas está totalmente perdido.

Lembrando que este post é destinado a quem quer patinar por conta própria. Se você faz aulas de artística, hockey, derby, fitness, etc, o melhor é sempre conversar com seu treinador, ele vai te indicar a melhor opção!


Consigo patinar no asfalto com patins tradicionais de 4 rodas?

Claro que sim! Desde que compre patins com rodas específicas para asfalto.
Porém, patins quad (este da foto) não foram projetados para pisos rústicos. Seu deslizar será sofrido!
O que quero dizer com isso, é que asfalto ou ciclofaixas são extremamente irregulares, possuem muitas imperfeições, pedras, folhas, buracos. Evite patinar em asfalto com botas curtas e muito moles.

Mesmo que você compre as rodas mais macias e mais largas pra dar mais segurança, (dizem rodas de gel, porém não existe roda de gel...é só um termo), o deslizar nem se compara a um piso liso (como de estacionamento emborrachado, pistas de skate, ginásios esportivos, madeira).
Se você tem um local com piso razoavelmente liso, com poucas imperfeições e não quer deixar de lado o ar retrô que este tipo de patins tem, vá em frente, compre!



Mas onde eu acho esse tipo de patins?






Os patins na foto acima são da empresa Rye (nacional) vende patins tradicionais para patinação artística, roller derby e hóquei e lazer.
Usei o Rye Amazon (porém com rodas duras) parecido com o da foto (Stilo Xtreme) por um bom tempo em minhas aulas de patinação artística, existem diversos modelos a partir de R$ 680,00. Se quer patinar em asfalto, opte pelo modelo Xtreme. Recomendo! 
Atualmente uso um Rye Supreme (artístico), mas faço troca das rodas sempre que quero andar em asfalto. Procurando patins coloridinhos, com brilho, rodas cor-de-rosa, etc, a Rye tem, incluindo rodas pra rua e profissionais pra artística, hóquei, derby e de alto desempenho. Variedade de cores, tamanhos e acessórios. Manutenção, peças e garantia, tudo no Brasil. Minha recomendação no. 1.






Patins Fulop
, vende apenas patins importados e apesar de ser especializado em patins profissionais para artística, alguns modelos mais simples e de derby podem ser usados como recreação, desde que possuam a "configuração" correta. Patins Fulop também fabrica botas em couro sob encomenda. Super recomendo!!

Este é um dos patins mais em conta do Patins Fulop (média R$ 800,00), indicado para pessoas de até 65kg. É um americano Sure Grip, se trocar as rodas por um modelo mais macio, terá um ótimo patins de lazer.
Ele possui excelentes opções de patins profissionais para artística, e Roller Derby que podem ser adaptados pra rua, para quem está acima do peso. Se procura patins de iniciante a profissionais para artística (incluindo no gelo), vale a pena uma consulta!




Melrose, é outra opção de quad estiloso para recreação, da famosa e conceituada Powerslide. Também indicado pra um passeio aos finais de semana e não roda tão suave em asfalto, nem suporta peso. Média R$ 600,00. Sumiu das lojas nacionais.




Roces, outra marca gringa super conceituada, que agora está investindo em patins estilo tênis cano alto. Confortáveis, porém patins para finais de semana! Kolossal e Disco Palace são os modelos encontrados aqui no Brasil (média R$ 600,00). Não encontrei site oficial da Roces no Brasil, porém estão à venda na RollerJam  e algumas lojas de esporte. Podem rodar em pisos irregulares, as rodas são super macias.








Rodas Radicais - tenho um desses, falei deles aqui. Marca 100% nacional, fabricante de vestuário, rodas, bases, freios e tênis. Este tipo de patins é para Jam Skate e lazer. Base que aguenta o tranco e com freios ótimos com regulagem de altura. Rodas para madeira e cimento. Média de preços R$ 500,00. Também tem serviços de transformar seus tênis em patins. Rodas Radicais é nacional e fica dentro da Mega Roller Skate Park. Atualmente não estão comercializando patins.









Oxer Secret Retrô - patins das lojas Centauro, fabricados em parte pela Owl Sports.  A bota é em vinil, imita o formato do salto da patinação artística é acolchoada, possui base em metal. Patins pra lazer, rodas chinesas que trepidam um pouco no asfalto. R$ 460,00. (reapareceu nas lojas em outra cor e não têm padrão nem substituição de peças)









Oxer Sweet Suede - patins das lojas Centauro, fabricado na China. A bota em camurça sintética, imita o formato do salto da patinação artística é acolchoada, possui base em metal e freios com regulagem de altura. Patins pra lazer, rodas que trepidam um pouco no asfalto. R$ 450,00. (melhor custo benefício do mercado porém sumiu das lojas)
É praticamente um Moxi. 
(***Atualizando...era,  mas agora eles vêm com freio fixo, e base de plástico fique atento)
Aliás a Centauro possui vários modelos de quad atualmente, na faixa de R$ 380,00, não recomendo nenhum deles.






Bel Sports - fabrica patins e skates lançou este modelo de quad Wonder Woman. super estiloso, bem parecido com a maioria dos quads pra recreação atualmente vendidos em lojas de esportes e pela mesma média de preço R$ 550,00. Falei tudo sobre eles aqui






A mesma empresa, Bel Sports, também lançou a versão Batman. São as mesmas especificações, o mesmo patins, porém na inspirado Homem Morcego. Falei deles aqui





Candy Girl - marca gringa chegando ao Brasil, importados pela Fila. São vários modelos de quad dessa marca, e alguns com materiais de boa qualidade. Preço médio R$ 600,00. Todos os modelos que chegaram ao Brasil, constam aqui neste post.






Powerslide Chaya - Precinho de patins profissional. Andei num desses e achei a bota extremamente confortável, mas ao meus gosto é muito mole. As rodas sim, são sensacionais, muito macias. São patins para passeio, dotados de bota sintética soft, forrada de veludo, base de nylon + fibra, freios ajustáveis e rodas pra asfalto. Rodam bem em pistas, rinques, ciclofaixas, calçadas e asfalto bom. Bem parecido com o RollerJoy da Melissa. Por R$ 1399,99 (quase o preço de patins artístico profissional com base de alumínio). Atualmente a Chaya possui também um quad de freio fixo, que custa em média R$ 800,00. Caro, mas um bom patins de lazer. Rolling Sports, possui vários modelos de Chaya.





Patins Lusul da conhecida e tradicional Patins.com.br. Já andei num patins desses. A bota é mole e curta, o freio não tem regulagem de altura, as rodas são estreitas, mas ele vende muito, pois a loja possui rodas coloridas, cadarços que combinam, e é o quad mais barato fabricado no Brasil (média 350,00). A loja possui opções de melhor qualidade para artística, hockey e inline, porém nenhum modelo ideal pra asfalto. São os fabricantes dos Patins Antix.




Traxart, loja de vestuário e skate presente em shopping centers, agora está com bons patins quad.
A Traxart tem hoje um excelente patins de lazer pra asfalto, Glitter Brillant;  falei dele aqui.
O Special Glitter, também merece atenção. Falei dele aqui.
Outra boa opção é o Traxart Glitter. Apesar do freio fixo, são robustos e muito charmosos pras meninas que "piram" nos cobiçados Moxi. A opção nacional e mais em conta da marca é este aqui. Atualmente lançaram o modelo mais robusto chamado Klassic, falei deles aqui.
Infelizmente a Traxart não dá muita "trela" pros patins quad, seu forte é o inline.
O patins da foto acima, bem como o XTrike Black, são opções razoáveis pra quem tem um local de piso regular e liso, porém é um patins pouco durável, não aguenta o tranco. Apesar de ter base e trucks em alumínio, a bota é mole, muito prejudicial aos tornozelos. Ideal pra patinar aos finais de semana desde que você não esteja acima do peso. (média R$ 450,00).
A marca possui um patins muito usado por iniciantes no Roller Derby (o Spark).







Cruze XR Roller Derby. Falei deles aqui. Patins bom, com tudo o que eu gosto: freio regulável, base metálica, bota alta, com salto e resistente. Infelizmente a bota é mole. Pouca opção de tamanho e só tem duas cores. Preto ou branco. Mas é uma excelente opção! R$ 550,00 à venda em lojas de esportes.






Patins Hondar e outros modelos de patins chineses de base plástica e freios fixos, não são modelos recomendáveis para o esporte, são frágeis, sem garantia e de materiais de pouca qualidade. Falei deles aqui. Patins de brinquedo, literalmente. Não recomendo nem pra criança iniciante.
A Hondar lançou recentemente, um quad de freio ajustável. Opção bem melhor que o patins da foto ao lado. Farei um post em breve.







Multikids Sou Luna
-  falei deles aqui. Só coloquei nesta lista pois está na moda. É uma patins chinês de pouca qualidade, brinquedão. Os patins usados na série, não tem nada a ver com estes patins vendidos em lojas de departamentos, mas a criançada quer, pois as cores são iguais aos patins da Luna. Média de preços R$ 400,00, um absurdo!









Patins Pampili - falei deles aqui. Bom patins, bom preço, rodas relativamente macias, freio regulável, bota de cano alto e bem acolchoada. Infelizmente sem muita opção de tamanhos e a cor é somente pink glitter  ou roxo, custava R$ 499,00 na loja online, mas sumiu do mercado!





Patins Owl Sports. Recentemente lançaram o modelo de base em alumínio e freio regulável. Produto 100% nacional, com peças de substituição e manutenção baratas. Porém tem bota mole. Média de 610,00.




Estou acima do peso, posso comprar um patins quad?

Obesidade não vai te impedir de patinar!
Patins tem variação de preços não pela cor, brilho, formato, mas sim pela qualidade dos materiais.
A Rye por exemplo, recomenda que pessoas acima dos 100kg utilizem somente patins com base Classic ,  Evolution ou Supreme (são patins bem mais caros, acima de mil reais, porém de qualidade indiscutível, patins pro resto da vida).
Nenhuma outra marca no Brasil, possui quads que resistam muito tempo a mais de 100kg.


Quem pesa por volta dos 100kg deve ter em mente que a bota de ser de material robusto e a base de material resistente.
Se você vai patinar em piso rústico, a durabilidade das rodas é menor, os rolamentos podem travar com mais facilidade se forem de baixa qualidade, a bota; se não tiver proteção, vai se desgastar mais rápido, por isso é que você deve levar tudo isso em consideração antes de comprar qualquer patins baratinho...
Patins quad têm amortecedores, e estes também possuem uma "escala de maciez" de acordo com o peso do patinador. Não deixe de especificar este detalhe, quando for comprar seu quad. Porém, quads de lazer não tem nada disso. Estas opções de "configurar" os patins, só mesmo no Fulop ou na Rye.


Prefira patins de bases de alumínio ou titanium ou de algum metal resistente, para saber qual o indicado pro seu peso, não deixe de entrar em contato com os FABRICANTES, nem sempre os vendedores estão aptos a te dar esse tipo de informação.
Patins muito baratos não suportam manobras, a base quebra!
Infelizmente patins quad, é um patins frescurento!


Patins se compra em loja especializada. Não esqueça!



Quero patinar por lazer ou fitness, decidi pelo inline.

AQUI TEM POST COMPLETINHO SOBRE INLINE PARA INICIANTES

Inline quer dizer: rodas enfileiradas. Uma atrás da outra, em linha.
Não importa se o piso é liso ou rústico, patins inline enfrentam qualquer parada!
Mas espere...existem vários tipos de patins inline.
É aí que mora o problema.

Patins se compra em loja especializada. Já disse isso né?

O patins na foto é um patins Freestyle da Fila, marca conceituada, possui patins robustos, que aguentam saltos, peso e têm qualidade profissional.
Muitos patinadores usam a marca Fila, pois tem preço competitivo e variedade de acessórios.

Se você quer patinar como recreação ou fitness, a Fila, a Traxart, a Rollerblade, a Seba, e IS Store, a Powerslide, são marcas a se considerar, pois possuem patins pra ambas modalidades com opção de cores também pras meninas e crianças.
Patins inline, podem ser usados para Urban (passeios pelas ruas), Street (bowl, degraus, manobras radicais), Slalom (com uso de cones onde se faz manobras) e Fitness (recreação, passeios, corrida, perda de peso).
Patins de fitness, possui o freio traseiro e bota chamada de softboot. ão os modelos mais baratos e de menos durabilidade e proteção aos tornozelos. É fácil identificá-lo, este é o mais indicado pra quem é iniciante e quer apenas se divertir sem se arriscar.


Mas e os preços?
O barato sai caro, sempre!
Tenha em mente, que patins INLINE novos, abaixo de R$ 300,00 têm qualidade duvidosa.
Fila, Rollerblade, Powerslide, Razors, Traxart, Seba Skates, Roces são marcas conceituadas que têm patins pra todas as modalidades do inline, porém, novamente, deve-se escolher os patins de acordo com seu peso.
Não vou citar esta ou aquela marca como a melhor, pois este tipo de coisa gera discussão, e vai da preferência de cada patinador. Atualmente tenho um Rollerblade Twiter 80.

Ainda tem dúvidas?
Vá até uma pista de patinação, um rinque, pista de skate, parque ou local onde tenha um grupo de patinadores e pergunte! Visite perfis de atletas, conheça as marcas usadas por eles, comece sua pesquisa.

São Paulo e Rio de Janeiro, têm eventos frequentes de test drive de patins, promovido pelas empresas fabricantes de patins, fique de olho!


Abaixo está tudo mastigadinho (lojas confiáveis) pra você que quer começar a deslizar por aí, basta enviar alguns emails ou fazer umas ligações antes de clicar no comprar! Todas as empresas tem um canal de contato e me responderam com rapidez e com detalhes:

http://www.patinsrye.com.br

http://www.lojadospatins.com.br/

https://www.mi8.com.br/

http://www.patins.com.br

http://www.patinsfulop.com.br/

http://www.filaskates.com.br/

http://www.sebavendas.com.br/patins/

http://www.traxart.com.br/

http://www.rollerjam.com.br/

http://www.megarollerskatepark.com.br/

http://www.centauro.com.br/

http://www.belfix.com.br

https://rollingsports.com.br/

http://www.patinscascavel.com.br/

http://rollerderby.com.br


https://www.inlinestore.com.br/



Tente sempre conversar com patinadores e se for fazer aulas, quem deve te orientar é o seu professor. Vendedores de lojas que não patinam nem sempre têm as informações que você precisa.


JAMAIS COMPRE PATINS EM LOJAS DE BRINQUEDOS OU HIPERMERCADOS. SUAS ARTICULAÇÕES AGRADECEM!



EVITE:








Em suma, eu sou adepta do quad desde sempre. Porém é gosto pessoal.
O que diferencia o quad do inline, é principalmente o conforto que ele te dá em relação a posição dos seus tornozelos; a estabilidade dele é muito superior ao inline, afinal você está com os pés sobre uma "plataforma quadrada" e não sobre uma "linha". Isso é uma vantagem pra quem tem problemas nos tornozelos e "pisa torto."
O inline por outro lado, lhe traz muito mais mobilidade no quesito solo. De inline você anda até em paralelepípedo e pedra Portuguesa. O inline pode ser um meio de transporte urbano, te dá possibilidades incríveis em relação a manobras e velocidade, o que no quad é possível, porém mais difícil.





PATINS USADOS 

Pra mim hoje, uma boa opção pra quem não pode gastar muito e não se importa de comprar patins usados, seria essa:





Artístico Amazon da Rye, com Rodas HD
Com menos de R$ 400,00 é possível ter um excelente patins pra andar em vários tipos de piso.
As rodas você encontra (com uma certa dificuldade) no Mercado Livre




O BARATO SAI CARO! LEMBRE-SE DISSO
Não pense em comprar um patins só pra brincar. 
Compre um bom equipamento, se não se adaptar você consegue revender